sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Silêncios e palavras ...Pe. Fábio de Melo



Não diga as coisas com pressa. Mais vale um silêncio certo que uma palavra errada. Demora naquilo que você precisa dizer. Livre-se da pressa de querer dar ordens ao mundo. É mais fácil a gente se arrepender de uma palavra que de um silêncio. 

Palavra errada, na hora errada, pode se transformar em ferida naquele que disse, e também naquele que ouviu. Em muitos momentos da vida o silêncio é a resposta mais sábia que podemos dar a alguém. 

Por isso, prepara bem a palavra que será dita. Palavras apressadas não combinam com sabedoria. Os sábios preferem o silêncio. E nos seus poucos dizeres está condensada uma fonte inesgotável de sabedoria. 

Não caia na tentação do discurso banal, da explicação simplória. Queira a profundidade da fala que nos pede calma. Calma para dizer, calma para ouvir. 

Hoje, neste tempo de palavras muitas, queiramos a beleza dos silêncios poucos.

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Cabelos curtos que combinam com seu rosto!


Rosto redondo: requer muita atenção na hora de cortar, pois pessoa com este tipo de rosto sempre dá a impressão de a pessoa ser “gordinha”, portanto quando o corte escolhido não combina com o formato do rosto pode fazer com que você pareça ainda mais “gordinha” quando na verdade não é, por este motivo é importante evitar para que você não tenha que passar uma imagem do que não é e além de tudo pode acabar prejudicando totalmente o seu visual. Para que você possa saber qual corte de cabelo mais combina com você, veja logo abaixo:

Rosto oval: Este é o rosto mais fácil de combinar com qualquer tipo de cabelo pessoas com o rosto neste formato pode usar e abusar das franjas, repicados, cortes retos, curtos e compridos. Quem tem rosto oval ousar nos cortes e dar preferência principalmente para os que estão na moda e não se esqueça das franjas elas sempre deixem o corte com muito mais estilo e dar um diferencial.

Pessoas baixas: Para mulheres baixas os cortes de cabelo na altura do ombro sempre ficam bem, os compridos não costuma ficar muito harmonioso, caso você adore cabelos longos, o ideal é que faça o corte repicado sem deixar em formato em “v” atrás.

Rosto retangular: Para as mulheres que tem o rosto retangular o mais ideal é o corte mais curto porque assim ajuda a diminuir a impressão de longo, já um corte em camadas e também repicado para dar mais volume à parte de trás deixando os cabelos mais bonitos e fazendo com que o rosto chame mais a atenção. Estas mulheres também podem usar as franjas de lado como uma aliada, pois como o corte as franjas ajudam a diminuir o tamanho do rosto.

Rosto quadrado: As pessoas que tem o rosto quadrado deve ter muito cuidado com os cortes retos e franjas seja ele curto ou longo o ideal é que sempre seja repicado desde o nariz, por diante para diminuir o efeito quadrado do queixo deixando o rosto com um formato mais bonito e chamativo.

Rosto triangular: Já mulheres com este tipo de rosto devem optar pela franja lateral e o corte na frente reto caso prefira cortes mais repicado, procure fazer na parte de trás, os corte repicado faz com que diminua o queixo e amplia a testa e para este formato de rosto é preciso que seja feito o contrário. 


Para quem tem um rosto redondo como o de Vanessa Hudgens, um corte desfiado é o tipo ideal! Se o seu cabelo for liso demais, recorra à ajudinha de uma pomada modeladora para dar volume!

Esse tipo de corte é o que se adapta melhor a qualquer estilo de corte. Se você tiver os traços bem delicados como o da atriz Emma Watson, não tenha medo do corte joãozinho, que é chique. Mas se o visu for much para você, aposte nas madeixas desfiadas na altura da orelha.

Olha só como a atriz de Glee, Dianna Agron, ficou linda com este corte médio em camadas. Faça como ela e arremate com uma franja assimétricapenteada de lado, para dar um ar despojado e moderno. Cabelos ondulados também ficam lindos nesse estilo!

Quem tem um rosto triangular como o de Ashlee Simpson deve evitar os fios mais curtos demais e em muitas camadas. Uma opção é investir em um corte mais curto na parte de trás e com mechas mais compridas na frente. Conhecido como bob, este estilo dá equilíbrio ao rosto.

Dica: Se você tiver cabelos normais ou secos, o truque para estilizar o curtinho é usar pouco condicionador! Se os fios forem finos e oleosos, evite usar o produto, já que ele deixa o cabelo mais pesado.

Espero que tenham gostado. Até a próxima  com mais dicas de moda e beleza. Beijos lindas! ( Jeza Arruda)

FONTE: www.guiadicas.com / Revista Atrevida




quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Moda para Baixinhas, Tendências 2013


A moda traz sempre muitas opções para todos os tipos de mulheres, onde é possível encontrar roupas de vários modelos que são capazes de realçar ainda mais a beleza feminina independente do tipo físico e da idade de cada uma, sendo elas gordas, magras ou altas de mais, baixas, jovens ou maduras.
moda para baixinhas que marcará as tendências 2013 aparecerá recheada de peças lindas que deixarão todas essas mulheres que sentem dificuldade em escolher roupas que valorizem seu corpo e alongam sua silhueta com muitas opções para escolher entre peças que realmente as ajudarão a ficar mais altas.
A moda para baixinhas 2013 está super variada e o destaque fica por conta das blusas lisas, discretas e com mangas, shorts curtos, saias retas e curtas, vestidos curtos que marcam a cintura, calças justas e escuras, camisetas claras, entre outras.
O segredo para as baixinhas ficarem na moda é saber combinar roupas da moda criando looks diversos e adequados para cada ocasião, lembrando sempre que o objetivo é investir em roupas que valorizem o que elas tem de melhor tentando disfarçar sua altura.
Portanto fique antenada na moda e escolha apenas as roupas que combinam com você e mostre a todos que alguns centímetros a menos não a impede de ficar tão linda e elegante quanto qualquer outra.



FONTE: www.mundoagora.com

terça-feira, 21 de agosto de 2012

Aprendendo com os erros.





Os sonhos não determinam o lugar onde vocês vão chegar, mas produzem a força necessária para tirá-los do lugar em que vocês estão. Sonhem com as estrelas para que vocês possam pisar pelo menos na Lua. Sonhem com a Lua para que vocês possam pisar pelo menos nos altos montes. Sonhem com os altos montes para que vocês possam ter dignidade quando atravessarem os vales das perdas e das frustrações. 

Bons alunos aprendem a matemática numérica, alunos fascinantes vão além, aprendem a matemática da emoção, que não tem conta exata e que rompe a regra da lógica. Nessa matemática você só aprende a multiplicar quando aprende a dividir, só consegue ganhar quando aprende a perder, só consegue receber, quando aprende a se doar. 

Uma pessoa inteligente aprende com os seus erros, uma pessoa sábia vai além, aprende com os erros dos outros, pois é uma grande observadora. 

Procurem um grande amor na vida e cultivem-no. Pois, sem amor, a vida se torna um rio sem nascente, um mar sem ondas, uma história sem aventura! Mas, nunca esqueçam, em primeiro lugar tenham um caso de amor consigo mesmos.


OBS: O destino não é frequentemente inevitável, mas uma questão de escolha. Quem faz escolha, escreve sua própria história, constrói seus próprios caminhos. 




AUGUSTO CURY

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

UMA QUESTÃO DE ESCOLHA.


coração anda no compasso que pode. Amores não sabem esperar o dia amanhecer. O exemplo é simples. O filho que chora tem a certeza de que a mãe velará seu sono. A vida é pequena, mas tão grande nestes espaços que aos cuidados pertencem. Joelhos esfolados são representações das dores do mundo. A mãe sabe disso. O filho, não. Aprenderá mais tarde, quando pela força do tempo que nos leva, ele precisará cuidar dos joelhos dos seus pequenos. O ciclo da história nos direciona para que não nos percamos das funções. 

São as regras da vida. E o melhor é obedecê-las.
Tenho pensado muito no valor dos pequenos gestos e suas repercussões. Não há mágica que possa nos salvar do absurdo. O jeito é descobrir esta migalha de vida que sob as realidades insiste em permanecer. São exercícios simples...
Retire a poeira de um móvel e o mundo ficará mais limpo por causa de você. É sensato pensar assim. Destrua o poder de uma calúnia, vedando a boca que tem ânsia de dizer o que a cabeça ainda não sabe, e alguém deixará de sofrer por causa de seu silêncio. 

Nestas estradas de tantos rostos desconhecidos é sempre bom que deixemos um espaço reservado para a calma. Preconceitos são filhos de nossos olhares apressados. O melhor é ir devagar.
Que cada um cuide do que vê. Que cada um cuide do que diz. A razão é simples: o Reino de Deus pode começar ou terminar, na palavra que que escolhemos dizer.
É simples...
Pe. Fábio de Melo

domingo, 19 de agosto de 2012

Aprenda a relacionar-se.




Uma das melhores maneiras de você conhecer-se mais é por meio do seus relacionamentos interpessoais, que funcionam como um espelho, refletindo suas ações e reações diante das circunstâncias cotidianas. Assim, você descobrirá se é ciumento e dependente em excesso de alguém, se sabe lidar com as diferenças, se fica à vontade ou não ao expor-se em público, se é sensível às necessidades e opiniões alheias, se é flexível e adaptável às novas situações.

   É por meio do convívio com seu próximo que você conseguirá perceber melhor sua própria personalidade. No entanto, relacionar-se não é apenas um meio de autoconhecimento; é também e, acima de tudo, um modo de construir laços de amizade, um ingrediente fundamental para o bem-estar e o sucesso do homem.

   Observou o sábio Salomão: É melhor haver dois do que um, porque duas pessoas trabalhando juntas podem ganhar muito mais. Se uma delas cai, a outra a ajuda a se levantar. Mas, se alguém está sozinho e cai, fica em má situação porque não tem ninguém que o ajude a se levantar. Eclesiastes 4.9-10.

   Quem não gosta de estar na companhia dos outros só está interessado em si mesmo e rejeita todos os bons conselhos. Provérbios 18.1.

   O ser humano precisa ser e ter amigos. Mas tem gente que é membro da igreja há 20 anos, e não conhece ninguém. Diz que seu único amigo é o Espírito Santo. Como poderá, então, receber ajuda das pessoas se ninguém o conhece? Quando a coisa está feia, correrá para quem? Além disso, como observamos, quem não cultiva laços de amizade acaba tornando-se uma pessoa que não consegue aprender nada, amadurecer e desenvolver-se espiritualmente, intelectual e emocionalmente.

   Os relacionamentos são indispensáveis para o nosso autoconhecimento, nosso bem-estar e nossa felicidade. É muito bom ter com quem contar nos momentos bons e nos difíceis! É maravilhoso poder compartilhar as tristezas e as alegrias com alguém!
   Muitos Cristãos esquecem que dependemos uns dos outros. 

Fazemos parte de um corpo, o Corpo de Cristo. Como membros uns dos outros, somos interdependentes. Precisamos viver com tal, e aprender a ser bênção um na vida do outro, porque foi para isso que Deus nos criou.

Fonte:  elianepdeus.webnode.com.br





sábado, 18 de agosto de 2012

Não copie uma pessoa ideal, copie você mesma.


Não pense que a pessoa tem tanta força assim a ponto de levar qualquer espécie de vida e continuar a mesma. Até cortar os defeitos pode ser perigoso - nunca se sabe qual o defeito que sustenta nosso edifício inteiro... Há certos momentos em que o primeiro dever a realizar é em relação a si mesmo. Quase quatro anos me transformaram muito.

 Do momento em que me resignei, perdi toda a vivacidade e todo interesse pelas coisas. Você já viu como um touro castrado se transforma em boi. Assim fiquei eu... Para me adaptar ao que era inadaptável, para vencer minhas repulsas e meus sonhos, tive que cortar meus grilhões - cortei em mim a forma que poderia fazer mal aos outros e a mim.

 E com isso cortei também a minha força. Ouça: respeite mesmo o que é ruim em você, sobretudo o que imagina que é ruim em você - não copie uma pessoa ideal, copie você mesma - é esse seu único meio de viver. Juro por Deus que, se houvesse um céu, uma pessoa que se sacrificou por covardia ia ser punida e iria para um inferno qualquer. 

Se é que uma vida morna não é ser punida por essa mesma mornidão. Pegue para você o que lhe pertence, e o que lhe pertence é tudo o que sua vida exige. Parece uma vida amoral. Mas o que é verdadeiramente imoral é ter desistido de si mesma. Gostaria mesmo que você me visse e assistisse minha vida sem eu saber. Ver o que pode suceder quando se pactua com a comodidade da alma”

Clarice Lispector

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Mas nunca, nunca mesmo, deixar de sentir.




Eu quero crescer. Juro, quero mesmo. Quero aprender línguas que não sei. Quero conhecer novas culturas, povos, lugares. Quero me desapegar do velho. Quero não me fechar para as mudanças e para o novo. Quero dar amor, afinal, é ele a grande essência da vida. Quero não acumular rancores nem alimentar mágoas.

Quero aprender a me pedir desculpa. Quero abandonar algumas saudades. Quero aprender a conviver com o que não posso modificar. Quero me mover mais e mais e mudar o que está ao meu alcance. Quero pouco e quero muito. Quero nada e quero tudo. Quero esquecer o que precisa ser esquecido. Quero nunca deixar de sorrir. Quero aprender a descascar laranja. Quero perder o medo de trovão. Quero ir. E vir. Mas nunca, nunca mesmo, deixar de sentir.
Clarissa Correa

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

10 Verdades e Mentiras sobre Sexo

1 - É mais fácil para a mulher atingir o orgasmo quando está na posição por cima do homem
VERDADE
Isto ocorre porque ela pode friccionar o clitóris no púbis do homem enquanto se movimenta, aumentando as suas sensações e facilitando o orgasmo. Além, é claro de ser muito prazeroso para o companheiro também.
2 - O orgasmo tem que acontecer em toda a relação sexual
MENTIRA
O orgasmo não deve ser o objetivo de toda a relação sexual. As carícias e todo o prazer vivido durante o ato sexual devem ser valorizados. Pode acontecer uma boa relação sexual sem que um ou ambos os parceiros atinjam o orgasmo.

3 – As mulheres depois dos 50 sentem mais desejo e têm mais orgasmos
MENTIRA
O desejo não está vinculado com a idade e sim com a possibilidade de ser vivido. Quando uma mulher é mais jovem ela é menos experiente, isso pode fazer com que tenha mais inibição. Uma mulher com mais idade e eventualmente com maior experiência sexual, se encontra mais livre para viver a sexualidade plenamente.

4 – O orgasmo vaginal é mais intenso que o clitoriano
MENTIRA
O orgasmo clitoriano é mais comum, mas a intensidade não depende do órgão e sim da excitação e entregas alcansadas a cada nova relação sexual.

5 – Fazer sexo faz bem para a beleza, ter orgasmos faz bem pra pele
VERDADE
A troca sexual é uma das mais importantes maneiras de se renovar a energia. A pele ganha mais luminosidade; a beleza natural brota de dentro para fora. O orgasmo promove saúde.

6 – O orgasmo acontece da mesma maneira para todas as pessoas
MENTIRA
O orgasmo para cada pessoa provoca reações diferentes. E a cada vez pode ser diferente também. Para alguns é mais intenso, para outros é mais silencioso. O que ocorre sempre é que esta é uma sensação de entrega absoluta às sensações, ao desejo sexual e ao parceiro.

7 – Quem se masturba tem mais facilidade de chegar ao orgasmo numa relação
VERDADE
Quem você se masturba acaba conhecendo melhor o próprio corpo e suas sensações. Dessa forma pode buscar posições e situações que favoreçam essas sensações de prazer. Também poderá orientar melhor o parceiro sobre aquilo de que mais gosta e sobre as coisas que funcionam para aumentar suas sensações de prazer.

8 – Orgasmos múltiplos é coisa de cinema
MENTIRA
Algumas mulheres experimentam o orgasmo múltiplo. Percebe-se que essas mulheres tem muito conhecimento do próprio corpo e capacidade de entregar-se com grande intensidade ao ato sexual e ao parceiro.

9 - O melhor orgasmo é o que acontece simultaneamente para os dois parceiros 
MENTIRA
O orgasmo simultâneo é muito raro. E nada garante que esta forma seja a de maior intensidade. Mais frequentemente o orgasmo ocorre em momentos diferentes nos quais cada um, seguindo seu ritmo, pode experimentar intensamente as próprias sensações.

10 – É impossível ter orgasmo com sexo anal
MENTIRA
O orgasmo depende da excitação e da intensidade das sensações. O ânus é uma região altamente excitável, o que poderá provocar sensações de imenso prazer que podem conduzir ao orgasmo.


Por: Monika Baumann

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Em Meio Ao Furacão.



Feras me cercaram na luta em que eu estou
Me sinto tão sozinho no caminho onde vou
Meus pés estão tão frios
O medo me alcançou
Olhei pela janela e vi a sua mão
Então olhei pra Ti em meio ao furacão


Em meio ao furacão, lutando com o leão
Eu sobreviverei erguendo minhas mãos
Pois eu sei quem Tu és
Também sei quem eu sou
Em meio ao furacão
Te adorarei, Senhor

Ao medo, ao frio, às dores
Sobreviverei,
Sobreviverei...

Fernanda Brum



Comodismo, medo e status levam homens a manter relacionamentos infelizes.

A promessa “até que a morte nos separe” é cada vez menos cumprida pelos casais. A possibilidade de se divorciar com mais facilidade e ter a esperança de iniciar uma nova vida com outra pessoa faz com que muitos relacionamentos acabem. De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), os divórcios aumentaram 20% em dez anos. Para o psicanalista Mauricio Sita, autor do livro “Vida Amorosa 100 Monotonia” (Editora Viver Melhor), é mais frequente que a mulher tome a iniciativa de se separar, ainda que o parceiro também esteja insatisfeito. “O homem não gosta de ser o responsável pelo rompimento”, afirma.
Segundo o psicanalista, quando a relação vai mal, é muito comum o homem criar armadilhas para que a mulher tome a iniciativa de terminar. “Ele fica distante, economiza atenção e carinho, prioriza o trabalho e os programas com os amigos”, explica o especialista. Dessa maneira, ele vai minando o relacionamento e forçando-a a agir. 

O psicólogo Ailton Amélio da Silva, professor da USP (Universidade de São Paulo), diz que, na maioria das vezes, as discussões sobre o relacionamento são iniciadas pelas mulheres. “Em geral, elas se incomodam e buscam reverter a situação; querem melhorar ou terminar de vez”, explica Silva.
Maurício Sita explica que um dos motivos que mais perturba o homem, ao assumir a iniciativa de romper um relacionamento, é ter de se justificar para a parceira. “Ele evita tomar a decisão porque sabe que a mulher o questionará, e os homens detestam ter de dar explicações”.

A psicóloga Denise Diniz, coordenadora do Setor de Gerenciamento de Estresse e Qualidade de Vida da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) afirma que, culturalmente, o homem é considerado o provedor  e terminar o relacionamento é o mesmo que abandonar a família. “Eles costumam encarar uma separação como sinal de fracasso e têm mais dificuldade de lidar com isso”. Segundo ela, é muito mais cômodo para o homem dizer que foi a mulher que o dispensou a ter de assumir que a deixou.
Além disso, as mulheres são mais sentimentais. “Para elas, a falta de amor é motivo para terminar uma relação. Já os homens analisam todas as dificuldades de uma separação”, diz Denise. O fim do amor não é determinante para o rompimento na cabeça do homem. Ele avalia outros aspectos, como o social, financeiro e até o companheirismo. “A relação pode estar ruim, mas estabilidade é fundamental para o sexo masculino”, explica.
Sita diz que os homens detestam se desestabilizar. Se a relação sexual esfriou e só acontece de vez em quando, tudo bem. “Para o homem é melhor estar mal acompanhado do que só. Se o sexo acontecer vez ou outra, ótimo”, diz Silva. E, se diminuir demais, ele pensará em procurar outra e viver uma vida dupla. “Mas, mesmo tendo outra na jogada, dificilmente cederá à pressão e terminar o relacionamento”, diz Denise, que concorda com os especialistas, os homens preferem uma rotina medíocre a ter de enfrentar mudanças.
Razões que impedem os homens de romper o relacionamento:
1. Comodismo: família e casa estabelecidas, convivência diária com os filhos e uma mulher para transar, mesmo que seja de vez em quando, é o suficiente para manter muitos homens em um relacionamento. Eles gostam de estabilidade.

2.  Medo: se afastar dos filhos e da companheira que sempre cuidou de tudo para ele pode ser assustador. Há homens que temem não encontrar outra parceira e deixar a mulher livre para outras aventuras.


3. Fuga: quando um homem quer terminar, ele tende a aumentar os custos e diminuir os benefícios, empurrando para a mulher a iniciativa de romper. Para ele, dialogar e assumir a responsabilidade pela separação é um peso.


4. Receio: do julgamento: alguns preferem evitar a separação para não abandonar a parceira e os filhos. No fundo, os homens receiam ser julgados pela sociedade.



5. Status: é importante para o homem mostrar para a sociedade que tem uma família, pois isso ainda é sinônimo de status social e pode lhe favorecer no ambiente profissional e familiar.

Fonte:mulher.uol.com.br

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Ame-se muito acima de qualquer coisa...


Ter auto-estima significa gostar e cuidar de si mesmo; valorizar-se, respeitar-se. Auto-estima é, na verdade, a base para o ser humano. É a cura para todas as dificuldades, sofrimentos e doenças de origem emocional.
Existem coisas na vida que temos de definir como importantes e indispensáveis. Já a auto-estima temos que definir como fundamental para a nossa sobrevivência. Ela é o fator capaz de fazer uma pessoa viver ou morrer.
Quem gosta de insegurança, dúvidas, incertezas, depressão e sentimento de incapacidade? Esses sentimentos ruins são algumas das características da baixa auto-estima, que é provocada por críticas constantes, culpa, rejeição, frustração, vergonha, medo, humilhação e dependência financeira ou emocional.
Tecnicamente, a auto-estima de uma pessoa começa a ser esmagada já na infância, quando os pais, ao emitirem uma opinião negativa sobre os filhos, os rotulam de incapazes ou inúteis.
Para entender melhor o assunto, precisamos relacionar alguns resultados na vida de quem tem uma auto-estima elevada. Elas têm mais amor próprio, mais satisfação pessoal, destacam-se profissionalmente, possuem relacionamentos saudáveis e paz interior. Tudo de bom, não é?
No entanto, para chegar à felicidade é preciso tomar algumas atitudes, às vezes simples, como manter-se em boa forma física, tratar-se com carinho, acreditar ser especial, fazer ginástica, dançar, ler, ouvir música, descansar, caminhar e valorizar as qualidades pessoais. Também é importante evitar endividar-se e embriagar-se constantemente. Não há nada mais depressivo do que uma manhã de ressaca e cara inchada.
Por outro lado, verifica-se que uma pessoa com baixa auto-estima não acredita ser capaz de ter alguém que a ame. Sente um sofrimento que pode se expressar em forma de angústia e dor no peito. A depressão toma conta do seu dia-a-dia. O triste é que pessoas com baixa auto-estima também tendem a se meter em casos afetivos complicados e destrutivos, e por terem uma necessidade enorme de ter alguém ao seu lado, sujeitam-se a qualquer tipo de relacionamento.
Por quererem sempre agradar o parceiro, tornam-se dependentes e sem forças para sair da relação, e quando ela acaba, tornam-se aqueles apaixonados chatos, que chegam a ameaçar cometer suicídio por amor. Precisamos entender que o primeiro grande amor em nossas vidas precisa ser o nosso amor próprio. Sem ele, não somos dignos de amar ninguém e nem dignos de sermos amados.
É necessário sempre verificar o nível da auto-estima, ou seja, observar o quanto se está gostando e cuidando de si mesmo. Nesse sentido, também é preciso verificar se os outros estão sendo culpados pelos problemas, pois quem empurra seus defeitos para os outros, prova que não quer resolvê-los. Isso é não gostar de si mesmo, pois quem de si mesmo cuida, enfrenta os problemas e tenta solucioná-los.
Temos que saber encarar as pessoas olhos nos olhos, sem medo, e também deixar de ser uma pessoa negativa. Precisamos conversar mais sobre nossos problemas, pois ocultar nossas angústias só faz piorar a dor no peito.
Não faça de outra pessoa o centro de sua vida, nem abandone seus amigos por um romance novo. Mantenha sua vida normalmente. Não mude seus gostos, pelos gostos de outra pessoa. Mantenha sua opinião e sua fé.
Não existe nenhum grande líder que tenha auto-estima baixa. Para conquistar o coração de uma multidão é necessário antes, conquistar o seu próprio coração. Ter auto-estima é acreditar.

Dr. Evaristo de Carvalho-Psicólogo e Diretor da Clínica Terapêutica Harmonya



segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Sexo é bom...Driblar a preguiça e ferver na cama é a melhor opção.


Com a correria do dia a dia e o estresse do trabalho sabemos que é difícil star sendo com a disposição em dia. No entanto, para combater o desinteresse e animar a vida sexual é preciso que você dê o primeiro passo. Apesar de ser mais normal do que imaginamos, deixar o sexo para segundo plano não é bom, além de ser um perigo. Afinal, a concorrência por aí anda grande, não é mesmo?

Se você anda sofrendo com essa “preguiça sexual”, nós destacamos 10 motivos que farão você repensar a sua decisão na hora de deixar o sexo para segundo plano. E, não pense que o sexo só é bom na hora. Saibam que uma vida sexual ativa traz diversos benefícios, inclusive depois da cama.

1. Ajuda a manter a forma – O esforço físico feito durante a pratica sexual pode queimar até 300 calorias, além de ajudar a tonificar a musculatura das pernas, bumbum e barriga.

2. Diminui os efeitos da menopausa – Aumenta a produção do estrogênio, além de favorecer o equilíbrio hormonal, o que auxilia nas mudanças de temperamento e diminui as ondas de calor.

3. Melhora sono – Para quem sofre de insônia, a prática sexual pode garantir uma boa noite de sono.

4. Ajuda na resolução dos problemas – De acordo com Simon Wootton e Terry Horne, autores do livro Teach Yourself: Training Your Brain (sem tradução para o português), o sexo aumenta a produção da oxitocina, o hormônio do amor e do sexo, tem o poder de acalmar, além de favorecer capacidade do cérebro de organizar pensamentos.

5. Mais felicidade – Durante o sexo a produção dos neurotransmissores dopamina e serotoninasão estimuladas, o que aumenta a sensaçãoo de bem-estar das pessoas.

6. Previne derrame - Um estudo da Universidade Queens, na Irlanda do Norte, comprovou que ter uma vida sexual regular diminui em até 50% as chances dos homens sofrerem derrame.

7. Reduz a TPM – A liberação de dopamina e serotonina no sangue tem efeito calmante, além de ajudar a diminuir as cólicas menstruais.

8. Mais sexy – Com os hormônios aflorados, a pele fica ótima e a autoestima lá em cima, sem contar na energia que transborda do seu corpo e respingam nas outras áreas da sua vida como o trabalho, por exemplo.

9. Alivia as dores – Depois do orgasmo, a oxitocina produzida durante o ato ajuda a diminuir dores em geral, desde enxaqueca até dores musculares.

10. Traz mais felicidade que dinheiro – Para quem acredita que só dinheiro traz felicidade, um estudo publicado pelo National Bureau of Economic Research revelou que um casamento com uma vida sexual plena atinge o mesmo grau de felicidade de uma pessoa que ganha 100 mil dólares por ano.

Pois é, ainda tem dúvidas de que driblar a preguiça e f
erver na cama é a melhor opção?

Fonte: www.bolsademulher.com


sábado, 4 de agosto de 2012

Reflexão...Cora Coralina


 Não sei se a vida é curta ou longa para nós, mas sei que nada do que vivemos tem sentido, se não tocarmos o coração das pessoas.

Muitas vezes basta ser: colo que acolhe, braço que envolve, palavra que conforta, silencio que respeita, alegria que contagia, lágrima que corre, olhar que acaricia, desejo que sacia, amor que promove.

E isso não é coisa de outro mundo, é o que dá sentido à vida. É o que faz com que ela não seja nem curta, nem longa demais, mas que seja intensa, verdadeira, pura en
quanto durar. Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.



Você ao meu lado para sempre... .



Eu quero teu corpo no meu,
Quero teu cheiro na minha roupa
Quero teu calor
Quero sua compania
Quero teu beijo
Quero teu abraço apertado
Quero seus lábios nos meus
Quero suas brincadeiras idiotas
Quero seu sorriso bobo
Quero ouvir sua voz
Quero passear no parque com você
Quero a “nossa música”
Quero a saudade…
pra me aproximar mais de você
Quero o seu carinho
Quero o seu toque
Quero sua mãe como minha sógra
Quero beijinho quando acordar
Quero uma mensagem sua de madrugada
Quero te abraçar e não soltar mais
Quero você…
         Aqui …
                Comigo…
Só quero você …
       Aqui…
           Do meu lado …
                 Pra sempre .

Via:  diarios-de-uma-pequena-psicopata


quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Da dor...Paulo Coelho



As memórias amargas não podem nos aprisionar. Elas fazem parte da vida - como o sorriso, o por do sol, o instante de oração.
Curioso é que esquecemos rápido nossas alegrias, embora sempre façamos com que o sofrimento dure mais do que o necessário. 
A dor é uma ótima desculpa para problemas que não conseguimos resolver, passos que não tivemos coragem de dar, decisões que adiamos.
A dor faz parte da vida - como faz parte a alegria, a fome, e a vontade de sonhar. Não adianta fugir, porque ela termina nos encontrando.
Mas sua única função é nos ensinar algo. Aprendemos suas lições, e isso basta.
Não vamos nos castigar com memórias amargas. Não vamos sofrer duas vezes, quando podemos sofrer apenas uma.



Tema Viagem. Imagens de tema por Galeries. Tecnologia do Blogger.

Pesquisar este blog