quinta-feira, 26 de abril de 2012

Yo Te Estrañare...Tercer Cielo




Yo te extrañare
Tenlo por seguro
Fueron tantos bellos y malos momentos que vivimos juntos
Los detalles
Las pequeñas cosas
Lo que parecía no importante
Son las que mas invaden mi mente al recordarte
Ojala pudiera devolver el tiempo
Para verte de nuevo
Para darte un abrazo y nunca soltarte
Mas comprendo que llego tu tiempo
Que Dios te ha llamado
Para estar a su lado
Así el lo quiso
Pero yo nunca pensé que doliera tanto.
Ya no llores por mi
Yo estoy en un lugar lleno de luz
Donde existe paz
Donde no hay maldad
Donde puedo descansar
No llores por mi es tan bello aquí
Nunca imagine
Quiero que seas feliz
Que te valla bien y cuando te toque partir
Espero verte aquí.
Yo te extrañare
Tenlo por seguro
Como pensar que la vida puede terminar en un segundo
La vida es polvo puede esparcirse en un momento
Nada trajiste nada te llevas
Solo lo que había dentro
Ojala pudiera devolver el tiempo
Para verte de nuevo
Para darte un abrazo y nunca soltarte
Mas comprendo que llego tu tiempo
Que Dios te ha llamado
Para estar a su lado
Así el lo quiso
Pero yo nunca pensé
Que doliera tanto.
Depois da primeira perda, tentamos infinitamente recompensar o que perdemos, e vamos caminhando nessa busca de se satisfazer, mais isso é um processo infinito, e nunca estaremos satisfeitos...

Os Benefícios do Riso.







O riso, além de trazer aquela sensação de bem-estar que todo mundo conhece, pode ser um grande aliado da saúde
Na correria do dia a dia é muito comum nos estressarmos com os empecilhos da rotina ou ficarmos extremamente cansados no fim do dia, sem vontade de fazer nada. Embora pareçam não ter remédio, esses males podem ter uma solução muito simples: sorrir!
 É de graça e você não precisa de mais nada além de você mesmo para isso. O riso, além de trazer aquela sensação de bem-estar que todo mundo conhece, pode ser um grande aliado da saúde, ajudando a prevenir doenças e auxiliando o organismo a cumprir as suas funções diárias.
Coração
Uma pesquisa na Universidade de Loma Linda, na Califórnia (EUA), afirma que o riso pode reduzir o risco de doenças cardíacas. A equipe separou dois grupos de pessoas que tinham sofrido um ataque cardíaco e estavam sob cuidados médicos. 
O primeiro grupo assistia a vídeos de humor durante 20 minutos, todos os dias. Após um ano, esse grupo apresentou uma queda de 66% da proteína C-reativa, que é um marcador da inflamação e do risco de problemas cardiovasculares. A queda dessa substância no outro grupo foi de apenas 26%.
Colesterol e diabetes
Dar boas risadas pode aumentar os níveis de colesterol bom no sangue, de acordo com uma pesquisa realizada na Universidade Loma Linda. Os pesquisadores acompanharam 20 pacientes diabéticos com altas taxas de colesterol ruim no sangue. Todos usavam remédios para controlar esses problemas. 
Metade desses pacientes continuou com o tratamento padrão, enquanto a outra metade, além de tomar a medicação, assistia a filmes de comédia diariamente, durante 30 minutos. Após um ano, o grupo que foi estimulado a gargalhar elevou seus níveis de HDL, o bom colesterol, em até 26%. No grupo de controle o aumento foi de apenas 3%.
Pressão arterial
Um estudo realizado na escola de medicina da Universidade de Baltimore, nos Estados Unidos, descobriu que rir diminui a pressão arterial, enquanto o estress a aumenta. A equipe estudou 20 voluntários saudáveis, não fumantes, com idade média de 33 anos. Eles assistiam primeiro a um trecho de um filme que causasse estresse e, 48 horas depois, viam um filme de comédia. 
Antes de assistir a cada filme, os voluntários ficavam em jejum e submetiam-se a testes para saber como vasos sanguíneos respondiam a súbitos aumentos no fluxo de sangue. Ao final do estudo, foi revelado que o estresse reduz o fluxo de sangue em 35%. Já as risadas provocadas pela comédia fizeram com que o fluxo aumentasse 22%, reduzindo a pressão arterial. Paralelo a isso, ocorria uma limpeza dos vasos sanguíneos.
Pulmões
De acordo com a especialista em terapia do riso Conceição Trucom, dona do site Doce Limão, quando damos uma boa gargalhada, a absorção de oxigênio pelos pulmões aumenta. Inalamos mais ar e, com isso, a expiração também fica mais forte. 
Com maior ventilação pulmonar, o excesso de dióxido de carbono e vapores residuais é rapidamente eliminado, promovendo uma limpeza ou desintoxicação”. Ou seja, rir limpa os seus pulmões e ainda os deixa mais fortes!
Estresse e sistema imunológico
“Durante uma sessão de gargalhadas, os níveis de cortisol e adrenalina – hormônios do estresse – baixam”, diz Conceição. Além disso, nosso cérebro passa a produzir endorfina, hormônio que nos deixa relaxado. Isso faz com que o corpo consiga produzir mais células de defesa, que ficam mais ativas, fortalecendo o sistema imunológico e blindando o organismo contra doenças. 
Segundo Conceição, as células que ganham vantagem na produção – quando os níveis de estresse abaixam – são os linfócitos B, responsáveis pela produção de anticorpos; os linfócitos T, que são verdadeiros rastreadores de vírus e bactérias; a imunoglobina A, um anticorpo essencial no combate às infecções respiratórias; e as células NK, que são destruidoras de células cancerígenas.
 Fonte: http://www.viverhoje.com.br

Tema Viagem. Imagens de tema por Galeries. Tecnologia do Blogger.

Pesquisar este blog