domingo, 9 de setembro de 2012

Amor não se compra, não se vende, não se negocia.



Amor não se compra, não se vende, não se negocia, é sentimento puro e soberano, é autêntico ou não existe, é real e não imaginário, é atributo do ser humano, é energia que fala, que sente, que movimenta o círculo da vida, é energia que estimula o alcançar de metas, é a energia que divide o solidário e ao mesmo tempo multiplica e transforma o caos em equilíbrio e paz.

Respeito é conhecer o amor na sua fonte de origem, pois somente ama de forma verdadeira e completa todo aquele que respeita seu par, seu amigo, seu familiar, seu semelhante sem exigir troca ou pagamento com moeda ou com outra forma de afeto, assim o amor e o respeito, de mãos dadas, representam um casamento perfeito de idéias, de sintonias, de energias, de exercício contínuo na evolução de uma escalada para a felicidade.

Amor também é atributo do reino animal, respeito é o elo que une o animal ao homem, a força maior do universo (Deus) criou o animal e o ser humano para viverem em comunhão no amor e no respeito.

Quando o ser humano perceber que o reino animal é um símbolo de amor e de respeito, a natureza agradecerá sorrindo e enviando ao ser humano dias de luz, chuvas para as sementes plantadas, calor e frio na medida certa.

Quando se vive o amor de forma plena ao lado do respeito, nada nem ninguém vai modificar a sensação de felicidade e de conforto que é conhecer a consciência de um sentimento ligado ao outro sem cobranças, sem exigências, sem lástimas, sem orgulho, sem vitórias, sem prejuízos, apenas e somente um sentimento vivo que resiste a tudo, pois é firme, é certo, é seguro e tem no respeito a fórmula de querer bem, mas sempre reconhecendo que o outro tem limites, tem dificuldades e tem necessidades.

O amor e o respeito podem ser eternos quando a alma alcança o entendimento que sem esta união, nada terá valor, nem temporário, nem prometido, pois não se mede o amor sem o respeito, pois o amor sem o respeito é como a essência sem luz e sem fundamento.

Enfim aprenda a respeitar em primeiro lugar, assim o amor será pleno, autêntico, verdadeiro, iluminado... mas amor sem respeito não é amor, é ilusão, é egoísmo, é posse, é força desenfreada, é tudo sem definição, mas nunca será comparado ao amor que vibra, que flui com o respeito que nasce no coração.

Dedico este texto a todos aqueles que conhecem e vivem o amor e o respeito como caminho de vida, e aqueles que um dia vão acordar e sair da ilusão e da escuridão que não leva a nenhum lugar.



Miriam Zelikowski
mestre em Bioterapia Magnética
Tema Viagem. Imagens de tema por Galeries. Tecnologia do Blogger.

Pesquisar este blog